O que é a Ginástica Laboral e qual a sua importância

Em todos os locais de trabalho, desde o setor de construção ao setor administrativo, existe um risco cada vez mais conhecido pelos trabalhadores – risco ergonómico.

Devido às posições que adotamos diariamente no nosso local de trabalho ao longo dos anos, vamos adquirindo algumas posturas menos correctas, sendo que em determinados setores as lesões são mais gravosas do que noutros.

Para diminuir a probabilidade de consequências nefastas para a saúde por exposição a riscos ergonómicos vêm sendo adotadas nalgumas organizações, medidas preventivas, uma delas a Ginástica Laboral.

Inicialmente a atual “Ginástica Laboral” denominava-se de “Ginástica de pausa para operários” tendo surgido em 1925, na Polónia. Posteriormente foi adoptada na Holanda e na Rússia.

Nos anos 60 surge na Bulgária, Alemanha, Suécia e na Bélgica. No Japão, nos anos 60, tornou-se uma obrigatoriedade sob a designação “Ginástica Laboral Compensatória” – GLC.

A Ginástica Laboral engloba um conjunto de exercícios como, alongamentos, exercícios de reeducação postural e controlo corporal, exercícios de fortalecimento de estruturas musculares não trabalhadas e compensatórios, no caso de grupos musculares envolvidos nas tarefas operacionais, exercícios respiratórios e de relaxamento muscular. A ginástica laboral é realizada no local e período de trabalho, com a roupa / calçado normal de trabalho e durante um período que pode variar entre 10 a 20 minutos.

Esta prática desde que continuada apresenta diversos benefícios:

– Prevenção de doenças profissionais;

– Prevenção do sedentarismo, stresse, depressão, ansiedade;

– Melhoria da mobilidade e postura;

– Bem-estar;

– Melhoria da auto-estima;

– Aumento da concentração nas actividades desempenhadas;

– Melhoria do relacionamento com os outros colaboradores – trabalho em equipa;

– Redução dos gastos com afastamento / substituição dos colaboradores;

– Diminuição de acidentes e lesões;

– Melhoria da imagem da empresa perante os colaboradores e a sociedade.

Resumindo, a ginástica laboral é uma atividade de curta duração que pode ser realizada com qualquer tipo de vestuário, não implica esforço físico excessivo, aumenta os níveis de concentração e produtividade, constituindo-se como um benefício para o colaborador e para a empresa.