InfoCovid 002/2020

Caros clientes,

O esforço de contenção da transmissão de COVID 19 no nosso país parece não ter apresentado os resultados desejáveis. De acordo com o conhecimento atual pode já existir transmissão comunitária em algumas zonas do norte do país. O Governo decidiu também tomar um conjunto de medidas mais restritivas, nomeadamente o fecho de escolas e limitações severas em outros estabelecimentos públicos.

Apesar de oficialmente não estarmos ainda numa fase de mitigação, devem ser tomadas as medidas correspondentes a essa fase sobretudo na zona norte, e todos devemos estar preparados para o seu alargamento a todo o país.

Relembramos que o pânico não é uma resposta aceitável neste momento de crise. Mantemos que continuar a seguir as medidas definidas no v/Plano de Contingência é a melhor forma de evitar a propagação do vírus e disrupções económicas que nos prejudicam a todos.

As empresas devem preparar-se para um período de pelo menos 2 a 4 semanas com absentismo elevado, quebras momentâneas de fornecimento de matérias-primas e eventualmente medidas mais restritivas à circulação.

Reforçamos que do ponto de vista de saúde pública a situação não é dramática e que o Serviço Nacional de Saúde, apesar da enormidade da tarefa que tem em mãos, tem correspondido com cuidados de saúde adequados aos nossos concidadãos afetados pelo vírus.

A resposta a esta pandemia tem sido e continuará a ser um momento de aprendizagem para todos, e num momento em que várias empresas estão pela primeira vez a colocar determinadas funções em regime de teletrabalho, enviamos em anexo a esta informação um folheto que deve ser transmitido a todos os trabalhadores sobre as regras que devem implementar enquanto trabalham neste regime.

A Direção Técnica